Dia Mundial do Sono

Por Edimilson Migowski

O Dia Mundial do Sono é comemorado em 16 de março. A celebração tem como objetivo chamar a atenção da população com ações sobre questões essenciais do sono na educação, nos aspectos sociais e, principalmente, na medicina, informando a necessidade de termos um sono de qualidade. Cada indivíduo tem sua quantidade de horas suficiente, para evitarmos uns dos mais de 100 distúrbios do sono existentes no mundo.

Pílulas

Principais problemas                     

Segundo o dr. Hélio Fernando de Abreu, otorrino e especialista em sono, a alteração do sono mais frequente no mundo, cerca de 80% dos casos, é a Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono, sendo mais comum em homens obesos entre 40 a 60 anos e em mulheres na menopausa. A segunda doença do sono mais frequente é a insônia, presente em 30% da população mundial adulta, sendo mais comum nas mulheres.

Ainda segundo dr. Hélio Abreu, durante o sono nosso organismo realiza funções importantíssimas, como o fortalecimento do sistema imunológico, secreção e liberação de hormônios (do crescimento, insulina e outros), relaxamento e descanso da musculatura e a imprescindível consolidação da memória.

Sinais e sintomas               

O ronco é o principal sinal de que algo não está bem, assim como sonolência diurna excessiva e cansaço. Logo, repare na forma como você acorda de manhã e como fica durante o dia. Se acordar bem, disposto e com energia, sem cansaço e persiste assim o dia todo, ótimo! Caso contrário, procure um especialista. Fique bem, cuide-se bem!

Contenido Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo