Aposentadoria, agora ou nunca? 

Este é o segundo texto sobre esse tema, contextualizado na coluna publicada na sexta-feira passada. Agora é preciso perguntar onde estamos e responder a essa e a algumas outras perguntas. Qual a idade certa para se aposentar? Quando vou precisar começar a preparar minha aposentadoria? Existe uma regra? E mais: por que eu deveria me aposentar?

São muitas dúvidas, mas as respostas estão na própria pergunta. Por que, ou melhor, para que eu preciso me aposentar e parar de trabalhar? O trabalho, quando encarado como enfadonho, cansativo e obrigatório, é tido apenas como emprego. Manter dedicação e esforço para conquistar algo no final da vida, ou seja, para se aposentar só fazia sentido há mais de 20 anos. Assim, todo esforço se dava em busca da recompensa ao final de uma jornada. Era preciso trabalhar para esperar o tempo de se aposentar. Nessa lógica, todos os programas de aposentadoria, previdência privada ou pública foram criados, assim como as relações trabalhistas, mas já se mostram pouco sustentáveis para o mundo de hoje. Haja visto a reforma trabalhista aprovada e válida a partir deste mês.

Todas essas regras estão hoje sendo questionadas pela simples pergunta feita no início deste texto. Será que é preciso se aposentar? Se você trabalha onde e como quer, se seu trabalho o realiza e o faz crescer, se há flexibilidade  para definir sua carga horária com as pausas que desejar, será mesmo que precisa parar? Se seu trabalho é fonte de endorfina,  levando-o cada dia a querer fazer mais,  estimulando-o a levantar com vontade de ir e melhorar o que fez no dia anterior, será que é preciso parar?

A resposta é não. O trabalho pode, sim, contribuir com sua qualidade de vida. A famosa frase  “O trabalho enobrece o homem” agora faz mais sentido, certo? Quando você faz algo por um propósito, por uma conexão,  baseado em suas escolhas, não se tem razão para parar. Você controla suas folgas e se retroalimenta(,) e, assim, toda essa lógica anterior fica totalmente sem propósito.

Prova disso é o aumento do número de empreendedores. Esse pensamento tem levado muitas pessoas a desenvolverem uma ideia para, com ela, criar seu trabalho.  Desse modo, a aposentadoria se torna desnecessária quando você entende que a vida é  “trem-bala e que você é só passageiro preste a partir”.

Descubra o prazer em trabalhar! Eu descobri!