Exemplos de esforço e dedicação

Por fabiosaraiva

colunista helio-castronevesOi pessoal, tudo bom? Os últimos dias foram muito interessantes e quero dividir com vocês. Vou começar falando da equipe, pois ontem logo cedinho eu e os demais pilotos estivemos na sede da Penske, na Carolina do Norte, para uma celebração muito especial.

Essa turma da Penske, vou contar uma coisa para vocês, é sensacional. A começar do patrão, o Roger Penske, todo muito trabalha duro e com dedicação. É por isso que estávamos lá, todos os pilotos da casa (Indy e NASCAR), para agradecer e comemorar. Depois de oito anos sem título na Indy, o Will Power e eu, nessa ordem, fizemos a dobradinha do ano. Além disso, outro ponto a comemorar foi a vitória 400 da Penske, conquistada no domingo pela Brad Keselowski, do time Penske na série principal da NASCAR. Nesse número estão também as minhas 29 desde que estreei na equipe, em 2000.

E por falar em esforço, quero dizer que foi uma alegria participar na sexta-feira de um evento do Miami Project. É um instituto de saúde e pesquisa para pessoas com lesão na medula óssea e que ficaram paralíticas. São mais de 300 pessoas no corpo clínico. O Miami Project foi fundado em 1985 e há anos que eu acompanho e colaboro.

O presidente é o Marc Buoniconti, que perdeu os movimentos num acidente durante uma partida de futebol americano universitário. Isso foi há mais de 30 anos e tudo começou por iniciativa do pai dele, o ídolo da NFL Nick Buoniconti. Todo esse conhecimento do Miami Project, ao longo de décadas, está hoje a serviço da atleta olímpica brasileira Lais Souza, que ficou paralítica após um acidente quando se preparava para as olimpíadas de inverno. Depois de receber alta do Jackson Memorial, ela passou a morar em Miami onde está trabalhando forte para recuperar os movimentos aos poucos, inclusive participando de pesquisas inéditas.

Então, gente, os exemplos da Lais e do Marc são grandiosos e mostram como o ser humano pode lutar para enfrentar as dificuldades com coragem. Fico emocionado com o que acontece lá. Eu e minha irmã, a Kati, ficamos muito amigos da Lais e sua família e foi toda a galera ver o jogo do Brasil contra a Colômbia. Para quem quiser conhecer mais sobre esse instituto de referência, basta visitar o www.themiamiproject.org. Vocês vão ver que não estou exagerando. Abração e até semana que vem!

Helio Castroneves, 39, nasceu em São Paulo e foi criado em Ribeirão Preto. É o piloto brasileiro com mais vitórias na Indy, com 28conquistas, e venceu três edições da Indy 500 (2001, 2002 e 2009). Disputará em 2014 sua 17ª temporada na categoria e 15ª pelo Team Penske.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo