Pezão autoriza PMDB do Rio a negociar com Aécio

Por fabiosaraiva

claudio-humbertoApesar de reiterar que apoiam a reeleição da presidenta Dilma, o governador Sérgio Cabral e seu candidato à sucessão, Luiz Fernando Pezão, autorizaram dirigentes do PMDB do Rio a negociar o palanque com o tucano Aécio Neves (MG), segundo segredou um deles a esta coluna. Cabral não engole o que chama de “jogo duplo” de Lula, a quem atribui a traição do PT, lançando Lindbergh Farias ao governo.

Interlocução 

Fiel escudeiro de Aécio, o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP) já conversou com o prefeito Eduardo Paes (RJ) e com o próprio Pezão.

Elo comum

O presidente do Solidariedade, Paulinho da Força (SP), foi incumbido de incentivar conversas com governo do Rio, do qual seu partido faz parte.

Gato escaldado

Aécio pisa em ovos quando o assunto é um eventual apoio de Cabral e Pezão, de quem teme rasteira no meio do processo, em favor de Dilma.

Tem atritos 

Embora incentive negociações com o PSDB, o próprio PMDB admite dificuldades devido à ampla aliança, que inclui siglas da base de Dilma.

Gabas não abre mão de boquinha para moradia

O secretário-executivo do Ministério da Previdência Social, Carlos Gabas, que cultiva a fama de “bom gestor público”, é feliz proprietário de imóveis em Brasília e administra um fabuloso patrimônio de 500 imóveis funcionais, e, segundo o Portal da Transparência, pelo menos 100 deles estão vagos, mas não abre mão da boquinha que acrescenta R$ 3 mil aos seus vencimentos mensais, a título de “auxílio moradia”.

 A regra é clara

A lei só permite o pagamento de “auxílio-moradia” quando não há imóvel funcional disponível. Na Previdência, há uma centena deles.

Só comerciais

A alegação de Gabas para não ocupar casa de sua propriedade é que ele não teria imóveis residenciais disponíveis.

Black blocs

O Tribunal de Contas do DF divulga hoje sua auditoria no Estádio Mané Garrincha, jogando gasolina na fogueira dos protestos contra Copa.

Pindaíba

Antes do pacote bilionário anunciado por Guido Mantena (Fazenda), a direção da estatal Eletrosul considerava a venda de sua sede, em Florianópolis, avaliada em R$ 15 milhões, para pagar salários.

Corporativo caro

Só em janeiro, o governo gastou R$ 5,42 milhões usando os cartões corporativos. Sob sigilo (“segurança da sociedade e do Estado”), a Presidência da República gastou R$ 700 mil usando cartão corporativo. Primo pobre, o vice-presidente Michel Temer consumiu
R$ 48,5 mil.

Defesa apresentada

Ribamar Guimarães, araponga acusado de fazer compras na loja da sua mulher com recursos da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), já apresentou sua defesa. Só falta o processo andar. Ou a CGU cobrar.

Festa do PMDB

Pré-candidato ao governo, Lindbergh Faria (PT) tentou penetrar na inauguração de indústria de laminação de cobre no Rio, mas seu nome foi cortado da lista de convidados de Sérgio Cabral e Eduardo Paes.

Piada espacial

A Agência Espacial Brasileira lançará outro satélite em dezembro, em parceria com a China, um ano após o Cbers-3 cair sem deixar traço em fotos ou mesmo de parafuso dos R$ 300 milhões que o Brasil gastou.

PTB de fora

O presidente do PTB, Benito Gama, disse que o partido já não queria ministério porque percebeu que não haveria chance de obtê-lo. Dilma não queria em seu ministério alguém que os petistas chamam de “Benito Grana”. Ele voltou a batalhar cargo no governo. Qualquer um.

Tudo de novo

O caso do promotor boliviano Marcelo Soza, outro perseguido pelo cocaleiro Evo Morales a pedir refúgio no Brasil, deverá ser tema do encontro em La Paz dos chanceleres do Brasil e da Bolívia, hoje.

Núcleo duro

Aspirante ao Planalto, o senador Aécio Neves (MG) escolheu para sua tropa de choque no Congresso os tucanos Cássio Cunha (PB), Imbassahy (BA), Duarte Nogueira (SP), Bruno Araújo (PE) e Carlos Sampaio (SP).

Pensando bem…

…pelo tamanho do sumiço e do silêncio do amigo Lula, Rosemary Noronha, a “Rose”, deve ter embarcado naquele Boeing da Malásia.

 

Com Ana Paula Leitão e Teresa Barros 

www.claudiohumberto.com.br

Captura de Tela 2014-03-16 às 20.14.26 Captura de Tela 2014-03-16 às 20.15.29

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo