Mensaleiros dão calote na multa de R$ 22 milhões

Por Carolina Santos

Um mês depois de expedidas as cartas-sentenças dos mensaleiros, condenados pelo Supremo Tribunal Federal no maior escândalo de corrupção da história, no governo Lula, até agora não se fala no pagamento das multas, estimadas inicialmente em R$ 22 milhões. Elas ainda podem ser parceladas, mas será necessário corrigi-las. Pela lei, as multas deveriam ter sido pagas dez dias após as prisões.

Maior devedor

Dos mensaleiros presos, Marcos Valério vai arcar com a maior multa: R$ 3,06 milhões (no valor sem correção).

Voto de pobreza

José Genoino diz não ter como pagar sua multa de R$ 468 mil, apesar dos 25 anos de salários de deputado, hoje em R$ 26,7 mil mensais.

Dupla do milhão

As multas dos companheiros de cela José Dirceu
(R$ 676 mil) e Delúbio Soares (R$ 325 mil) somam R$ 1 milhão; é a dupla do milhão.

À espera do STF

O Tribunal de Justiça do DF alega que aguarda decisão do Supremo Tribunal Federal para cobrar o pagamento das multas.

Lula e Sarkozy: anúncio esquecido | Wilson Dias/ABr Lula e Sarkozy: anúncio esquecido | Wilson Dias/ABr

Caças: Dilma ignorou Lula
e deu resposta aos EUA

A opção da presidenta Dilma pelos 36 aviões de combate Gripen, produzidos na Suécia, serviu ao propósito de dar uma resposta política aos Estados Unidos, que a espionaram, e ignorou completamente os compromissos do ex-presidente Lula, que anunciara solenemente, em 7 de setembro de 2009, diante do então presidente Nicolas Sarkozy, que o Brasil compraria os caças Rafale. O Brasil pagará R$ 10 bilhões.

Sai de baixo

A imprensa francesa promete revelar os segredos dos entendimentos do governo Lula com a França, para compra dos caças.

Nem pensar

Para o deputado Leonardo Picciani, aliado de Sérgio Cabral, o PMDB nada ganharia retirando a candidatura de Pezão a governador.

Milagre!

Sugestão no Twitter para novo discurso de Lula, após a descoberta de que mortos recebem Bolsa Família: o homem já ressuscita miseráveis.

Joaquim 2014

Brasileiros nos Estados Unidos já circulam em seus automóveis com um adesivo que os americanos ainda não entendem o significado: “Run, Joaquim, run” (Corra, Joaquim, corra).

Quem avisa…

Autor do best-seller “Assassinato de reputações” com Romeu Tuma Jr., o jornalista Claudio Tognolli pôs no Twitter o recado do ex-delegado: “Não adianta ameaçar e ficar rondando minha casa, nada encontrarão”.

Caixa pretíssima

Nos Estados Unidos e em todo o mundo revela-se a identidade dos ganhadores de loterias. É fator decisivo de transparência e confiança dos promotores do sorteio. No Brasil, a Caixa Preta continua…

Dilma Bolada

Na chegada ao Congresso, ontem, a presidenta Dilma novamente ignorou os repórteres que a aguardavam, mas não resistiu ao pedido de uma adolescente e posou para foto a seu lado. Uma simpatia.

O famoso quem

Dilma lembrou que a oposição agora elogia, mas “por muito tempo chamou o Bolsa Família de esmola”, mas foi Lula, então presidente do PT, que num vídeo chamou de “esmola” a iniciativa do governo FHC.

Trombadinha

O inglês Ronald Biggs, 84, morreu na Inglaterra com a fama de “ladrão do século”. Roubou lá, em 1963, o equivalente a R$ 124 milhões, o que, para quem viveu no Brasil, daria até vergonha nos políticos.

Estratégia cruel

Na chantagem anual de greve às vésperas do Natal, aeronautas atormentam os reféns (milhões de pessoas com passagens à mão) reiterando, nas redes sociais, ameaças de caos total nos aeroportos.

Chutou a barraca

Jair Bolsonaro (PP-RJ) | Beto Oliveira/Agência Câmara Jair Bolsonaro (PP-RJ) | Beto Oliveira/Agência Câmara

O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) não conseguiu discursar, ontem, durante a devolução simbólica do mandato de João Goulart. Gritou: Se tivessem conseguido o que tentaram, estaríamos todos cortando cana”.

Pensando bem…

…antes de Edward Snowden já havia espionagem americana no Brasil, que monitorava inclusive os dedos-duros da ditadura. Hum…

CH1CH2

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo