Lula criou ‘governo sombra’ para monitorar Dilma

Por Carolina Santos

É o ex-presidente Lula quem mais incomoda a presidenta Dilma, e não a bem-comportada oposição ao seu governo. Ela mesma já desabafou isso a raros confidentes. Lula criou um “governo sombra” em São Paulo, com dez ex-integrantes do seu governo, a maioria ex-ministros. Funciona no Instituto Lula e, a pretexto de “pensar o Brasil do futuro”, monitora Dilma, como fazem opositores em países parlamentaristas.

Executivos

Lula cuida da questão política e os membros do “governo paralelo” trabalham com metas, prazos a cumprir, e até estimando custos.

Posto avançado

No instituto, Lula recebe políticos, empresários, donos de ONGs etc, todos com interesses (alguns nada republicanos) no governo.

Gilberto-Carvalho-Wilson-Dias-ABrEspião explícito

Os pedidos mais importantes de Lula chegam a Dilma por meio do ministro Gilberto Carvalho, seu “espião com crachá”.

 

 

 

Mexendo pauzinhos

Lula também sugere declarações públicas da presidenta, reclama de ministros, recomenda demissões e principalmente nomeações.

Viúva de Mandela tem amiga-irmã brasileira

A moçambicana Graça Machel, viúva de Nelson Mandela, tem uma amiga brasileira, a quem chama de “irmã”. Trata-se de Leda Camargo, ex-embaixadora do Brasil em Moçambique, hoje na Suécia. Graça é muito agradecida por haver a diplomata ajudado a instalar, em Maputo, uma fábrica de anti-retrovirais fundamental na luta conta a aids. Graça foi mulher de Samora Machel, líder da independência de Moçambique.

Voltas do mundo

Quis o destino que a chanceler alemã Angela Merkel, a quem Dilma deu lições de economia, decida o futuro do Brasil na União Europeia.

Bolas da vez

Eduardo e Aécio também se empenham em negociar aliança com PV, PTB e PDT, que anunciam “independência” em relação ao governo.

Tudo acertado

A cúpula do PMDB está confiante de que a presidente Dilma apoiará o candidato da governadora Roseana Sarney no Maranhão, em 2014.

Entidade

 Rosemary Noronha | Julia Moraes/Folhapress Rosemary Noronha | Julia Moraes/Folhapress

A revista Time escolheu o papa Francisco “A pessoa do ano”. A coluna escolheu “Rose” Noronha a “Não Pessoa” de 2013. “Intocável” há um ano na Justiça, a ex-assessora íntima de Lula, vai ver, nunca existiu.

Esse cara sou eu

Depois de uma conversa com o posudo presidente da Fiesp, Paulo Skaf (PMDB), um conhecido marqueteiro ironizou: “Se ele fosse tudo o que pensa que é, já ganhou a eleição para o governo de São Paulo…”

Só no nome

O ministério da Defesa se faz de morto com a denúncia de que conhecida empresa “brasileira” de munição descumpre decreto de 2012 que incentiva a indústria bélica nacional. Recebe financiamento e facilidades, mas seu controle acionário está num paraíso fiscal.

Racha no PSD

A bancada do PSD deverá eleger um novo líder na Câmara, nesta terça. Está dividida em quatro candidatos: Júlio Cesar (PI), Moreira Mendes (RO), Geraldo Thadeu (MG) e Roberto Santiago (SP).

Boquinha

José Eduardo Cardozo (Justiça) agora também conta com o serviço de catering nos jatinhos da FAB, a exemplo do colega Guido Mantega. Poderá gastar até R$ 170 mil, inclusive com sanduba de caviar.

Chapeuzinho 

O senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) ganhou um novo apelido, “Chapeuzinho Vermelho”, porque terá de enfrentar o relator Lobão Filho (PMDB-MA), na reforma do regimento interno do Senado.

Até já está gravado

Apesar dos assédios do PSDB e PSB, o PV está preparando para apresentar em programa nacional de TV, dia 2, o seu candidato a Presidente da República: ex-deputado paulista Eduardo Jorge.

BMW no Brasil

Interlocutor do governo Dilma com o setor produtivo, o vice Michel Temer deve participar nesta segunda (16) da inauguração em Joinville, Santa Catarina, da fábrica de automóveis da alemã BMW.

Sacode

Com chuva torrencial no Sudeste e a pior seca no Nordeste em 50 anos, o governo ainda vai sugerir pôr o Brasil de cabeça para baixo.

ch2

ch1

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo