Shia Labeouf comenta pela primeira vez sobre prisões por racismo e embriaguez

Por Band.com.br

Shia LaBeouf resolveu se pronunciar sobre ter sido preso duas vezes no último ano. Ele foi detido por embriaguez, desordem e também durante um protesto por falar insultos racistas a um oficial.

Em entrevista à revista norte-americana Esquire, Shia falou sobre o assunto: "O que aconteceu na Georgia foi mortificante. Privilégio branco, desespero e desastre…Isso veio de um delírio autocentrado…estava tentando me absorver da culpa de ser preso. Eu f*di com tudo".

Logo no dia seguinte depois de ter sido liberado, LaBeouf compereceu ao evento de reunião de elenco do filme que estava atuando na época e ninguém tocou no assunto, exceto o ator Zachary Gottsagen.

"Ouvi-lo dizer que ele estava desapontado comigo provavelmente mudou o rumo da minha vida. Porque eu ainda estava lutando. Estava pensando: Olha como divulgaram os vídeos rápidos e esqueceram de divulgar um. […] Naquele momento eu precisava de alguém que conversa de modo direto comigo com o qual eu não poderia discutir".

"Eu tenho que olhar para minhas falhas por um tempo. Preciso limpar a minha vida um pouco antes de eu poder ir lá e trabalhar de novo. Estou tentando me manter criativo e aprender com meus erros", disse o ator.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo