Roberto Carlos ainda lida com o TOC em sua rotina, diz colunista

Por Metro Jornal

Roberto Carlos falou em poucas entrevistas sobre a convivência com o Transtorno Obsessivo-Compulsivo, que rendeu inúmeras histórias de bastidores sobre os rituais aos quais o cantor se submete por conta da doença mental. Segundo o colunista Leo Dias, do jornal O Dia, apesar do tratamento, a rotina do Rei ainda está permeada por esses rituais.

Leia mais:
Nunca me ouço de uma forma relaxada, diz Roberto Carlos
Roberto Carlos diz que pretende gravar música de Ivan Lins

Vizinhos ouvidos pela coluna afirmaram que Roberto chegou a pagar para manter um andaime erguido em frente ao prédio onde mora. Isso porque o edifício, localizado na Urca, no Rio, passava por reformas quando o compositor deixou seu apartamento em direção ao aeroporto.

Ele ficou em Miami por um mês, tempo em que as obras terminaram e o objeto seria retirado. A pedido dele, porém, o andaime só foi desmontado depois que ele cruzou a entrada, no retorno.

Outros vizinhos também relataram que uma geladeira recém-comprada ficou algumas semanas guardada na garagem até que a fase da lua mudasse: o eletrodoméstico só entrou na cobertura do Rei na Lua Nova. Em outra ocasião, ele reparou que um porteiro abriu o elevador segurando um interfone quando ele saiu do prédio. Na volta, ele pediu que o funcionário pegasse o interfone novamente.

Ele é proprietário de mais três apartamentos no edifício: um para a governanta, outro para o filho e um terceiro para 'depósito'.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo