Veja famosos adeptos a religiões não tão populares

Por Metro Internacional
Reprodução / Divulgação
Veja famosos adeptos a religiões não tão populares

Religião e espiritualidade são assuntos tão amplos que, vez ou outra, ainda nos deparamos com algo totalmente novo no meio dessa diversidade de cultos e crenças que temos ao redor do mundo.

Conheça alguns famosos que não possuem religiões tão populares assim:

Freddie Mercury

O vocalista do Queen, morto em 1991, foi criado no Zoroastrismo. A religião atualmente tem pouco mais de 100 mil seguidores no mundo todo, mas já chegou a ser a principal na região onde hoje é o Irã. De fé monoteísta, a crença cultua o Deus Ahura Mazda e foi criada no ano de 600 A.C pelo profeta Zoroaster.

Foto Reprodução / Observatório G

Richard Gere

Em 1978, o ator conheceu o Budismo no Nepal. Desde estão, Gere falou diversas vezes sobre a religião que escolheu para si. O ator é um grande defensor da independência do Tibet e até chegou a ser banido do Oscar de 1993 por manifestar suas posições contra a China, país que anexou o Tibet ao seu território.

Fotos Reprodução / The Daily Beast

Bob Marley

O popular músico de reggae contribuiu para tornar um pouco mais conhecida a religião Rastafari. Na Jamaica, mais de 10% da população se diz seguidora de seus preceitos, que incluem o uso sacramentado da maconha. Para as pessoas que seguem essa fé, Hailê Salassiê I, imperador da Etiópia, é a encarnação de Deus na Terra.

Foto Reprodução / Caribbean National Weekly

Gwyneth Paltrow

No final da década de 2000, a atriz de “Vingadores: Guerra Infinita” teve depressão pós-parto após dar a luz ao seu segundo filho. A cantora Madonna a encorajou a conhecer a Cabala e, desde então, se tornou uma grande adepta desta prática mística judaica.

Foto Reprodução / Food & Wine Magazine

John Travolta

O famoso ator, cantor e dançarino se converteu à Cientologia em 1975. Esta religião foi criada pelo autor de ficção Ron Hubbard e é  baseada na lógica de que o ser humano é imortal. Em 2009, uma polêmica envolveu o astro e sua religião, quando seu filho morreu vítima de uma convulsão. Segundo os meios internacionais, o ator teria se recusado a realizar uma transfusão de sangue em Jett porque o procedimento contrariaria as normas de sua fé.

Foto Reprodução / The Daily Beast
Loading...
Revisa el siguiente artículo