As acusações contra Lula

Por Metro Jornal

1- O tríplex do Guarujá
Operação Lava Jato – Paraná

Em julho do ano passado, Moro condenou Lula a nove anos e meio de prisão no caso do tríplex. É desta sentença que Lula recorre, agora, no TRF4

2 – O sítio de Atibaia
Lava Jato – Paraná

Para o MPF, Lula foi o beneficiário de reformas de R$ 1 milhão (por parte da Odebrecht, da OAS e do pecuarista José Bumlai) no sítio de Atibaia, que no papel não pertence ao petista. Moro começa a ouvir testemunhas de acusação em fevereiro

3 – Terreno e apartamento da Odebrecht
Lava Jato – Paraná

Lula é suspeito de ter recebido um terreno de R$ 12,4 milhões e um apartamento de R$ 504 mil da Odebrecht. Moro abriu trâmite para apurar autenticidade de recibos apresentados pela defesa de Lula. Após esse resultado, processo caminhará para o fim

4- A compra do silêncio de Cerveró
Lava Jato – Brasília

Lula teria ordenado repasses ao ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró para que não delatasse. Mas o MPF-DF, concluindo que o ex-senador Delcídio do Amaral mentiu, pediu a absolvição de Lula por falta de provas

5 – As negociatas de Angola
Operação Janus – Brasília

Lula teria facilitado negócios da Odebrecht financiados pelo BNDES em Angola (África) em troca de contratos da empreiteira com Taiguara dos Santos, sobrinho do ex-presidente

6 – Os caças suecos
Operação Zelotes – Brasília

O petista teria mediado R$ 2,55 milhões em repasses de lobistas ao filho, Luís Cláudio, em troca de influência para que o governo comprasse 36 aviões da sueca Saab e editasse a Medida Provisória 627, em benefício de montadoras de veículos

7 – A propina das montadoras
Zelotes – Brasília

Ex-presidente teria pedido R$ 6 milhões a duas montadoras em troca de uma medida provisória para o setor automotivo em 2009

8 – O quadrilhão do PT
Lava Jato – Brasília

O STF ainda não aceitou denúncia contra Lula, a ex-presidente Dilma e seis membros da cúpula petista. Apresentada em setembro, acusação trata do esquema global da corrupção do PT na Petrobras

9 – Obstrução da Justiça
Lava Jato – Brasília

Denúncia mais recente, ainda em sigilo, envolve Dilma e o ex-ministro Aloizio Mercadante e aponta a nomeação de Lula à Casa Civil, em março de 2016, como tentativa de obstrução da Justiça. Processo está no STF

O tríplex do Guarujá Eduardo Knapp/Folhapress
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo