Ministro do STF libera irmã e primo de Aécio de prisão domiciliar

Por BandNews FM
Charles Silva Duarte/O Tempo/Folhapress
Ministro do STF libera irmã e primo de Aécio de prisão domiciliar

O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello decidiu soltar Andrea Neves, irmã do senador Aécio Neves, o primo deles Frederico Pacheco, e o ex-assessor parlamentar do senador Zezé Perrella, Mendherson Souza Lima.

 Os três estavam em prisão domiciliar desde junho, em Belo Horizonte, com uso de tornozeleira eletrônica.

Todos foram presos em maio, durante a Operação Patmos, acusados de envolvimento em um esquema de pagamento de propina da JBS para o senador Aécio Neves.

Além de colocar os três em liberdade, o ministro Marco Aurélio Mello revogou as outras medidas cautelares impostas, como a proibição de deixar o país e o recolhimento do passaporte.

Na decisão, o magistrado afirmou que os acusados devem indicar as residências onde ficarão e se apresentar à Justiça quando chamados.

Loading...
Revisa el siguiente artículo