De Romário a Silvio Santos: relembre quem já se arriscou na carreira política

Por Gabriely Rodrigues - Portal da Band
Reprodução/Facebook
De Romário a Silvio Santos: relembre quem já se arriscou na carreira política

Uma possível candidatura de Luciano Huck, da Rede Globo, ganhou as machetes nas últimas semanas. A proximidade do apresentador com integrantes do PPS e a participação dele em grupos de movimentação política como o Agora! e Renova chamaram a atenção e causaram frisson no meio político – ele chegou até a aparecer nas pesquisas eleitorais. No entanto, em artigo publicado nesta segunda-feira (27) na Folha de S.Paulo, o jornalista afirmou que não concorrerá à presidência da República em 2018, mas que vai contribuir para melhorar o país.

Porém, Huck não é o primeiro famoso a ser especulado como possível candidato. Há 25 anos (em 1989), o apresentador e dono do SBT, Silvio Santos, se candidatou à Presidência do país. Na época, ele recebeu diversos convites e, em um dos levantamentos esteve em primeiro lugar, com 34% das intenções de votos, desbancando Fernando Collor (18,6%) e Luiz Inácio Lula da Silva (10,6%).

Outro nome que sempre disperta interesse dos partidos é o do apresentador da Band, José Luis Datena, que, apesar de nunca ter se candidatado, segue sondado para disputar as urnas em 2018.

Candidaturas recentes

Atualmente, o Senado Federal conta com o ex-craque da Seleção, Romário Faria, atual Senador da República. Na Câmara dos Deputados estão, entre outros, o palhaço Tiririca (PR-SP) e Jean Wyllys (PSOL-RJ), participante da quinta edição do Big Brother Brasil, na Globo – ambos deputados federais. No entanto, a fama na música, na TV ou no futebol, nem sempre se reverte em votos nas urnas.

Nas eleições de 2016, quando foram escolhidos prefeitos e vereadores, uma questão chamou atenção do público. O ator Thammy Miranda, que é transexual, concorreu a uma vaga como vereador de São Paulo pelo Partido Populista – mesma legenda do deputado federal, Jair Bolsonaro – conhecido pelos seus discursos contrários às causas LGBTs. O ator ficou em segundo lugar, com 12.408 votos recebidos. Em desabafo nas redes sociais, Thammy escreveu: ”Não caibo em mim de felicidade, milhões de pessoas acreditaram em mim”.

Além do ator, a repórter do Jornal Hoje, da TV Record, Ana Paula Neves também se arriscou no meio eleitoral. A jornalista concorreu ao cargo de vereadora de SP pelo Partido Republicano Brasileiro (PRB). Ao contrário do que muita gente pensava, Ana Paula não usou a mídia para adquirir votos. Ela procurou manter proximidade com o público através do Facebook e realizar cursos sobre gestão pública, mas alcançou 3.288 votos e não foi eleita.

Loading...
Revisa el siguiente artículo