Ex-governadores Anthony e Rosinha Garotinho são presos pela Polícia Federal

Por BandNews FM Rio
Inácio Teixeira/ Coperphoto
Ex-governadores Anthony e Rosinha Garotinho são presos pela Polícia Federal

O ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho e a esposa Rosinha Garotinho foram presos pela Polícia Federal (PF), nesta quarta-feira, em seu apartamento no Flamengo, na zona sul do Rio.

Os dois estão sendo levados agora por agentes da PF, em um desdobramento da Operação Chequinho, que investiga a compra de votos na cidade de Campos dos Goytacazes.

Questionado pela reportagem da BandNews FM sobre o tipo de mandado expedido, um dos policiais disse apenas: “ele (Garotinho) está sendo preso”, assim como a esposa.

Garotinho vai ser encaminhado para fazer exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) e depois seguirá para a superintendência da Polícia Federal, no Centro.

O ex-governador foi condenado no âmbito da operação Chequinho, por comandar um esquema de fraude eleitoral quando era secretário de Governo de Campos. A estrutura criminosa envolvia candidatos a prefeito e vereadores em 2016, quando a Prefeitura oferecia inscrições no programa Cheque Cidadão em troca de votos. Cada beneficiário recebia por mês a quantia de R$ 200,00, segundo o Ministério Público Estadual.

No dia 13 de setembro, o ex-governador foi detido quando apresentava o programa na Rádio Tupi e até então passou a cumprir prisão domiciliar com tornozeleira eletrônica. No dia 26 de setembro o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) revogou a prisão domiciliar do ex-governador.

Loading...
Revisa el siguiente artículo