Aécio Neves visita o Santuário Nossa Senhora da Piedade, em Minas Gerais

Por Carolina Santos
Aécio inicia última semana de campanha em Minas | José Cruz\ABr Aécio inicia última semana de campanha em Minas | José Cruz\ABr

O candidato à presidência pelo PSDB, Aécio Neves, escolheu a sua terra natal, Minas Gerais, para abrir a última semana de campanha eleitoral. O tucano visita na tarde desta segunda-feira o Santuário Nossa Senhora da Piedade, em Caeté. Depois, ele segue para Belém, no Pará, onde concede entrevista coletiva e participa de ato político na companhia de aliados.

O tucano viaja para Minas Gerais um dia depois de participar do terceiro debate do segundo turno. Aécio e Dilma Rousseff (PT) diminuiram o tom no duelo da noite de domingo, promovido pela tv Record. Eles não trocaram ofensas, como vinha acontecendo nos debates anteriores, mas fizeram acusações quando o assunto foi corrupção.

Aécio Neves questionou a adversária sobre o esquema envolvendo a Petrobras e lembrou de obras inacabadas da gestão da petista.

“Ninguém sabe aonde foi parar o dinheiro do trem bala”, disparou Aécio, após pontuar que outros projetos ainda não foram viabilizados, como a Transnordestina e a transposição do rio São Francisco. “Os nordestino ainda não receberam uma gota d’água dessa transposição”, detonou.

Dilma Rousseff revidou dizendo que Aécio precisava se informar melhor e contra-atacou ao lembrar casos de corrupção envolvendo o PSDB. Segundo a petista, mais de 200 processos foram esquecidos pelo partido tucano.

Leia também:
•Pesquisa CNT/MDA mostra Dilma com 45,5% e Aécio com 44,5% das intenções de voto
•Na reta final, candidatos buscam aumentar a rejeição do adversário
Dilma e Aécio buscam feito inédito no segundo turno
Dilma e Aécio usam tom mais ameno, mas corrupção domina novo debate

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo