Segundo Datafolha, Pezão lidera com 56%, contra 44% de Crivella

Por Nadia
Marcelo Crivella e Pezão se enfrentarão no segundo turno | Divulgação Marcelo Crivella e Pezão se enfrentarão no segundo turno | Divulgação

O governador e candidato a reeleição do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), lidera as intenções de voto no segundo turno contra o senador Marcelo Crivella (PRB). Segundo pesquisa Datafolha divulgada nessa quarta-feira, o peemedebista tem 12 pontos percentuais de vantagem na proporção de votos válidos.

Pezão aparece com 56% e Marcelo Crivella com 44%. Nulos e brancos somam 10% e o percentual de eleitores que declararam estar indecisos é de 8%. A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais.

Segundo mostra o instituto, a distância diminuiu entre os dois candidatos. No primeiro turno Luiz Fernando Pezão recebeu 40,6% dos votos válidos, enquanto Crivella teve 20,3%.

Transferência de voto

A pesquisa Datafolha simulou também a transferência de votos dos candidatos que disputaram o primeiro turno. Apoiado pelo deputado Anthony Garotinho (PR), Marcelo Crivela atrai 59% dos eleitores, contra 27% de Pezão.

Entre os que votaram em Lindbergh Farias (PT), que também anunciou apoio ao candidato do PRB,  há divisão de preferência: 38% dos eleitores escolhe Pezão e 36% Crivella.

Marcelo Crivella aparece em vantagem entre os eleitores que escolheram Tarcísio Motta (PSOL) no primeiro turno das eleições. O candidato do PRB atrai 31% e Pezão 25% dos votos.

Eleitores por grupos

Segundo a pesquisa Datafolha, o candidato Marcelo Crivella tem 65% da intenção de votos dos evangélicos petencostais e 67% dos não petencostais. Já por eleitores de outras religiões ele é o mais rejeitado.

Luiz Fernando Pezão lidera todas as faixas de renda e escolaridade: tem 71% da intenção de voto dos mais ricos e 62% dos mais escolarizados. Crivella lidera entre os mais jovens, com 55% da intenção de votos.

O datafolha entrevistou 1.493 eleitores em 36 municípios. A pesquisa foi encomendada por Folha e TV Globo e regisrada no TRibunal Regional eleitoral sob o número 69/2014

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo