Africano internado com suspeita de ebola deixa hospital no Rio

Por Nadia
Africano está isolado no Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas | Mauro dos Santos Paciente da Guiné que estava internado há cinco dias co suspeita de ebola foi liberado | Mauro dos Santos

O guineano Souleymane Bah deixou nesta quarta-feira, pela manhã, o Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, na Fiocruz. Ele estava internado desde sexta-feira com suspeita de ebola.

O africano recebeu alta depois que a presença do vírus foi totalmente descartada por dois exames.

Bah deixou o hospital acompanhado por um representante do Ministério da Saúde.

De acordo com a Fiocruz, o local para onde o paciente foi encaminhado será mantido em sigilo. O objetivo é preservar sua privacidade – a pedido do próprio paciente.

Ao deixar a unidade, o guineano portava um resumo de sua internação, com resultados preliminares dos exames realizados após a suspeita da doença ter sido descartada, e orientação para seguir acompanhamento em unidade de saúde no local de destino.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo