Dilma e Aécio ficarão frente a frente no debate da Band; veja o estúdio

Por Tercio Braga

As posições de Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) para o primeiro debate do segundo turno, nesta terça-feira, na Band, já estão definidas.

Os candidatos ficarão frente a frente a partir das 22h15. O internauta do Portal da Band poderá acompanhar os bastidores do debate a partir das 20 horas.

A Polícia Federal preparou um esquema especial de segurança para o debate. Integrantes dos PSDB já se concentram nos arredores da Band, no Morumbi, com bandeiras de apoio a Aécio. Dilma, por sua vez, concedeu uma entrevista no início da noite, em São Paulo, e disse estar preparada para o encontro.

Detalhes do debate
Em uma eleição com muitas reviravoltas e campanhas agressivas, o primeiro debate entre os candidatos promete ser ainda mais disputado. A 12 dias da eleição, o eleitor quer que este encontro proporcione algumas respostas importantes.

“O primeiro debate do segundo turno vai indicar a postura que cada um dos candidatos vai adotar na reta final da campanha”, afirma o diretor de Jornalismo do Grupo Bandeirantes, Fernando Mitre. “Uma das novidades do debate será as considerações iniciais. Cada candidato terá dois minutos livres para falar logo no início do encontro”, diz.

“Nós vamos ter 48 momentos em que um candidato vai ou perguntar, ou responder, ou replicar ou treplicar no confronto com o outro. E isso é uma novidade incrível nessa campanha e será uma oportunidade maravilhosa para que o telespectador veja as diferenças e faça as suas comparações”, complementa Mitre.

O debate também será transmitido pela BandNews TV, pelas rádios Bandeirantes e BandNews FM e pelo aplicativo da Band para smartphones e tablets. Além disso, o confronto entre Dilma e Aécio também será transmitido ao vivo pela Band Internacional BandNews Internacional nos seguintes países: Estados Unidos, Angola, Moçambique e Paraguai. Os eleitores poderão fazer comentários pelo Twitter com a hashtag #debatedaband.

O debate terá 1h20 de duração, com quatro blocos de perguntas e respostas e um para as considerações finais. Como serão apenas dos concorrentes, o direito de resposta, quando solicitado por algum candidato, só será concedido se a eventual ofensa tiver ocorrido na última fala de cada bloco.

A responsabilidade de mediar esse encontro determinante para o futuro do País será do jornalista Ricardo Boechat. “Quem é o público? É você, o eleitor que tá aí, contando com a possibilidade, neste confronto, que não é ponto corrido, é mata-mata, agora no segundo turno, praticamente. Você poder decidir o que vai fazer com seu voto”, afirma.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo