Servidor público é impedido de votar em Niterói

Por fabiosaraiva
Wilson Dias/ABr A cidade de Niterói está testando o sistema biométrico, que identifica o eleitor por meio de impressão digital | Wilson Dias/ABr

Um funcionário público foi impedido de votar em uma escola de Niterói, no Rio de Janeiro. Sérgio Luís Gonçalves conta que quando chegou à seção eleitoral ele foi informado pelos mesários que outra pessoa já havia votado em nome dele.

Pela primeira vez, a cidade de Niterói está testando o sistema biométrico – que identifica o eleitor por meio de impressão digital antes do voto. Segundo reportagem da BandNews FM, eleitores da cidade também reclamam da demora do sistema. Eles estariam levando mais de 1h para conseguir votar.

O Tribunal Regional Eleitoral ainda não se pronunciou sobre o que será feito.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo