Dilma aparece com 46%, Aécio tem 27% e Marina, 24% no último Ibope antes da Eleição

Por Tercio Braga
Aécio Neves, Marina Silva e Dilma Rousseff  | Reuters Aécio Neves, Marina Silva e Dilma Rousseff | Reuters

Na véspera do primeiro turno das eleições, a última pesquisa feita pelo Ibope antes do pleito mostra a candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, com 46% das intenções de voto. O candidato Aécio Neves, do PSDB, aparece em segundo lugar, com 27%, seguido por Marina Silva (PSB), com 24%. Na pesquisa anterior, Dilma tinha 39%, Marina, 25%, e Aécio, 19% da preferência dos entrevistados.

O levantamento divulgado há pouco foi encomendada pela Rede Globo e pelo jornal O Estado de S. Paulo. Os candidatos do PSC, Pastor Everaldo, do PSOL, Luciana Genro, e do PV, Eduardo Jorge, tiveram, cada um, 1% das intenções de voto. Zé Maria, do PSTU; Eymael, do PSDC; Levy Fidelix, do PRTB; Mauro Iasi, do PCB; e Rui Costa Pimenta, do PCO, não alcançaram 1%. Os votos nulos ou brancos somam 7% e os indecisos, 5%.

Na simulação de um segundo turno, Dilma venceria qualquer dos dois candidatos, com 42% das intenções de votos contra 37% de Marina e Aécio.

Para a divulgação do resultado oficial, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) exclui os votos brancos e nulos. Nessa conta, Dilma tem 40% das intenções de voto, Aécio fica em segundo lugar, com 24%, e Marina Silva aparece em terceiro, com 21%.

O Ibope ouviu 3.010 eleitores entre os dias 2 e 4 de outubro. O nível de confiança da pesquisa é 95%, com margem de erro de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número 1021/2014.

Datafolha

Pelo Datafolha, a vantagem de Dilma para os seus dois principais oponentes é maior. A presidente aparece com 44% das intenções de voto, Aécio soma 26% e Marina tem 24%. Pastor Everaldo (PSC), Luciana Genro (PSOL), e Eduardo Jorge (PV) têm 1% das intenções, cada. Os demais candidatos não atingiram 1% da preferência.

Assim como na pesquisa Ibope, o resultado do Datafolha considera apenas os votos válidos. O instituto ouviu 18.116 eleitores nos dias 3 e 4 de outubro.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo