Dilma tem 37%; Marina, 30%; e Aécio, 17%, segundo pesquisa Datafolha

selo-eleicao-metro-eleicoes-2014-150A presidente e candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) oscilou positivamente e abriu sete pontos percentuais de vantagem para Marina Silva (PSB), que caiu três pontos em relação à última pesquisa, de acordo com nova pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira.

De acordo com o levantamento, as intenções de voto na petista passaram de 36% para 37%, enquanto a candidata do PSB caiu de 33% para 30%. Com o resultado, o que até a última semana ainda era um empate técnico se transformou em uma vantagem de sete pontos.

Briga entre Dilma, Marina e Aécio esquentou | Agência Brasil Dilma Rousseff oscilou positivamente e abriu sete pontos percentuais de vantagem para Marina Silva | Agência Brasil

Quem também oscilou positivamente nesta pesquisa foi o candidato do PSDB, Aécio Neves, que passou de 15% para 17% das intenções de votos. Na sequência, aparecem o candidato do PSC, Pastor Everaldo, empatado com Luciana Genro (Psol) e Eduardo Jorge (PV), todos com 1% das intenções de voto.

Os candidatos Zé Maria (PSTU), Rui Costa Pimenta (PCO), Levy Fidélix (PRTB) e Mauro Iasi (PCB) não pontuaram. Dos entrevistados, 6% afirmaram que votarão branco ou nulo, e 7% não sabem ou não responderam.

Segundo turno

Na simulação de segundo turno, Marina e Dilma aparecem empatadas tecnicamente. A candidata do PSB tem 46% e a do PT, 44%. Na última semana, Marina aparecia com 47%, e Dilma com 43%.

Caso enfrentasse Aécio, Dilma venceria o segundo turno das eleições por 49% a 39%. Na semana passada, o vantagem da petista era de 49% a 38% contra o tucano.

Se Aécio enfrentasse Marina no segundo turno do pleito, também seria derrotado. Segundo o Datafolha, o candidato do PSDB teria 35% dos votos, e a pessebista 49%, ante os 54% a 30% do último levantamento.

A pesquisa Datafolha, encomendada pela TV Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo, ouviu 5.340 eleitores em 265 municípios, nos dias 17 e 18 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00665/2014.

 

Loading...
Revisa el siguiente artículo