Dilma suspendeu programa de governo após impasse com PT

Dilma Rousseff quer mais informações sobre o caso | Alan Marques/Folhapress Durante eventos temáticos, a petista divulgou em partes seu programa de governo | Alan Marques/Folhapress

A presidente Dilma Rousseff ordenou a suspensão da divulgação do seu programa de governo após impasse com alas do PT que defendem propostas contrárias à posição do Palácio do Planalto, de acordo com informações do jornal Folha de S.Paulo.

Em julho, quando registou a candidatura de Dilma à reeleição no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a campanha da petista apresentou uma espécie de esboço como programa de governo, com o objetivo de divulgar ao longo da campanha ideias detalhadas por temas que são debatidos com setores do PT.

No final de semana, Dilma afirmou que não iria divulgar seu programa de governo porque suas propostas seriam apresentadas pela televisão e na internet.

Desde o início da corrida presidencial, a petista aproveitou eventos temáticos para lançar propostas em ”pílulas”.

Durante eventos temáticos, a petista divulgou em partes seu programa de governo. Até agora, foram apresentados programas para igualdade racial, mulheres e juventude.

Coordenadores da campanha enviaram também a assessores da presidente a proposta sobre trabalho. O documento propunha, entre outros pontos, avançar na negociação para a redução da jornada de trabalho, o fim do fator previdenciário e a regulamentação da terceirização. Segundo o jornal, ao saber das propostas desse tema, Dilma determinou que a divulgação do plano fosse adiada.

Outro ponto que teria gerado conflitos no PT é a revisão da Lei de Anistia, de acordo com a publicação.

Loading...
Revisa el siguiente artículo