Índice Band mostra disputa apertada entre Dilma e Marina pela presidência

Por Tercio Braga
Aécio Neves, Marina Silva e Dilma Rousseff | Reuters Aécio Neves, Marina Silva e Dilma Rousseff | Reuters

selo-eleicao-metro-eleicoes-2014-150O Índice Band divulgado nesta quinta-feira mostra que as eleições presidenciais serão decididas no segundo turno entre as candidatas Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB). Enquanto a petista soma 42% das intenções de voto, a ex-senadora tem 38% das intenções no primeiro turno. O candidato do PSDB, Aécio Neves, aparece com 17%.

A presidente tinha 41% dos votos válidos nos dias 1o, 4 e 6 de setembro. Agora, subiu um ponto percentual. Marina tinha 37%, subiu para 39% e agora caiu para 38%.

Leia também
• Marina e Dilma sobem tom das acusações em suas campanhas

Aécio começou o mês com 20%, caiu para 16%, subiu para 17% e manteve o mesmo índice no último levantamento (veja quadro).

No segundo turno, Marina Silva venceria Dilma por 52% a 48%. Na simulação de segundo turno com Dilma e Aécio, a petista teria 56% e o tucano, 44%.

Pastor Everaldo, do PSC, aparece com apenas 1% dos votos. O mesmo percentual têm os candidatos Eduardo Jorge, do PV, e Luciana Genro, do Psol. Os demais candidatos não chegaram a 1%.

A avaliação do governo melhorou. O índice dos que consideram o governo ótimo e bom passou de 34% para 36%. Os que consideram a administração federal regular passaram de 38% para 39%. A avaliação ruim e péssimo tinha 27%, caiu para 25%, manteve o mesmo índice e agora está com 24%.

O Índice Band faz uma média ponderada das últimas pesquisas CNT/MDA, Ibope, Datafolha, Sensus e Vox Populi.

indice-band-11092014

Loading...
Revisa el siguiente artículo