Marina Silva rebate acusação e diz que Dilma quer aterrorizar população

Por Tercio Braga
Candidata Marina Silva, do PSB | André Porto/Metro Candidata Marina Silva, do PSB | André Porto/Metro

A candidata do PSB à presidência, Marina Silva, rebateu as acusações de Dilma Rousseff nesta terça-feira, durante campanha em Minas. A petista acusou Marina em propaganda na TV de “tirar comida da mesa dos brasileiros” com a proposta de dar autonomia aos bancos.

“O que tira comida do prato do brasileiro é a volta da inflação, do baixo crescimento da economia e dos juros altos”, afirmou Marina nas redes sociais.

Para a ex-ministra, Dilma faz uma campanha com base no medo. “Nossos adversários fazem terrorismo. Eles não apresentaram planos de governo algum e têm, feito terrorismo, pensando somente em aterrorizar a população. A sociedade decidiu que dessa vez as eleições não vão acontecer na base do plebiscito PT x PSDB”.

Leia também
• Campanha do PT diz que Marina Silva dará poder aos bancos
• Marina e Dilma estão em empate técnico no segundo turno, segundo CNT/MDA

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo