Campos diz que Dilma tem relação com crise na Petrobras

Por lyafichmann
Eduardo Campos é o candidato do PSB | Marcello Casal Jr/ ABr Candidato do PSB ataca rival do PT no caso do ‘adiantamento de perguntas’
| Marcello Casal Jr/ ABr

O candidato do PSB à presidência, Eduardo Campos, ao lado de sua vice, Marina Silva, afirmou nesta segunda-feira que a crise na Petrobras tem tudo a ver com a presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição pelo PT.

De acordo com denúncias da revista Veja, investigados pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado teriam recebido com antecedência o gabarito de perguntas que seriam feitos aos diretores da Petrobrás.

A presidenta da Petrobras, Graça Foster, o ex-presidente da estatal José Sergio Gabrielli e o ex-diretor da Área Internacional Nestor Cerveró teriam tido acesso antecipado às questões.

Dilma negou ter relação com o caso nesta segunda e disse que o Congresso deve dar as explicações.

Campos não aceitou as desculpas da presidente e afirmou que ela tem relação com o caso. “A Dilma tem tudo a ver com a crise na Petrobras”, afirmou o candidato do PSB. “Se não for ela, quem é que tem a ver com isso?”.

Debates
O primeiro debate presidencial ocorrerá aqui na Band, no dia 21 de agosto, seguindo uma tradição histórica do Grupo Bandeirantes. No dia 14 de agosto, os candidatos ao governo também se encontrarão na Band para o primeiro debate.

Quer saber mais sobre os candidatos a presidente?
Clique nos nomes e veja um minicurrículo de cada um dos 11 políticos que disputam o cargo.

aecio neves dilma rousseff eduardo campos eduardo jorge
eymael levy fidelix luciana genro mauro iasi
pastor everaldo rui pimenta ze maria band eleicoes
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo