Câmara paga indevidamente R$ 2,58 bilhões a servidores, segundo o TCU

Por Caio Cuccino Teixeira
Auditores do Tribunal de Contas encontraram irregularidades na folha de pagamento | Rodrigues Pozzebom/ABr Segundo o TCU, Câmara deve cancelar pagamentos irregulares | Rodrigues Pozzebom/ABr

Durante cinco anos, a Câmara dos Deputados pagou indevidamente R$ 2,5 bilhões a servidores da Casa, segundo auditoria do Tribunal de Contas da União.

Os auditores encontraram nove irregularidades na folha de pagamento entre 2006 e 2011, entre elas: supersalários, pagamentos de tíquetes-alimentação em duplicidade, incorporação ilegal de gratificações e promoção irregular de técnicos como se fossem analistas.

Apesar do gasto extra, o plenário do TCU não determinou a devolução dos rendimentos irregulares, somente o corte na maioria dos pagamentos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo