Em votação secreta, plenário rejeita cassação de Natan Donadon

Por Tercio Braga
Deputado Natan Donadon | Fabio Rodrigues/ABr Deputado Natan Donadon | Fabio Rodrigues/ABr

O plenário da Câmara absolveu o deputado Natan Donadon do processo de cassação de mandato. Foram 233 votos a favor do parecer do relator, Sergio Sveiter (PSD-RJ), 131 votos contra e 41 abstenções.

Para que Donandon perdesse o mandato, o parecer de Sveiter precisaria de, no mínimo, 257 votos.

Mesmo com a decisão do plenário, o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, disse que acatava a decisão, mas como Natan se encontra impossibilitado de desempenhar as funções de deputado, ele convocava de imediato o suplente para assumir o mandato, porque a Casa não pode ficar com um parlamentar a menos, pois Donandon cumpre pena de prisão no Complexo Penintenciário da Papuda, no Distrito Federal por formação de quadrilha.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo