INSS prorroga prazo para atualização do cadastro dos beneficiários

Por Carolina Santos
Dos 30,7 milhões de beneficiários, 9,4 milhões não atenderam ao chamado | Antônio Cruz/ABr Dos 30,7 milhões de beneficiários, 9,4 milhões não atenderam ao chamado | Antônio Cruz/ABr

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) prorrogou para o dia 28 de fevereiro de 2014 o prazo para que os beneficiários façam a renovação da senha e comprovação de vida na rede bancária. Quem não fizer a atualização terá o benefício bloqueado, até que a situação seja regularizada. A prorrogação está definida em resolução publicada na edição desta sexta-feira do Diário Oficial da União.

A convocação começou em maio de 2012 e, dos 30,7 milhões de beneficiários, 9,4 milhões não atenderam ao chamado. Quem compareceu à agência bancária, desde que o cadastramento foi iniciado, não precisa apresentar outra prova de vida, pois as instituições estão concluindo a primeira fase.

O beneficiário deve ir até a agência bancária onde habitualmente recebe o benefício levando um documento de identificação com foto, como carteira de identidade, Carteira de Trabalho ou a carteira de habilitação.

Quem não puder ir até o banco por motivos de doença ou dificuldade de locomoção, pode produzir a prova de vida por meio de um procurador cadastrado no INSS. Os segurados que residem no exterior farão o processo por meio de um procurador ou de documento de prova de vida emitido por um consulado.

Loading...
Revisa el siguiente artículo