Programa "Minha Casa, Minha Vida" é alvo de fraude

Por Carolina Santos
Programa Minha Casa Minha Vida sob suspeita | Divulgação Programa Minha Casa Minha Vida sob suspeita | Divulgação

O programa do governo federal “Minha Casa, Minha Vida” é alvo de fraude em São Paulo. Segundo reportagem de Agostinho Teixeira, do programa Manhã Bandeirantes, na RB, corretores de imóveis oferecem extratos bancários falsos para que clientes que não têm baixa renda possam conseguir o financiamento do programa.

A corretora com quem Teixeira conversou explica como funciona o processo. “Você vai me passar só os dados da sua conta. Eu tenho um amigo que faz o extrato. Tem do Itaú, do Bradesco, tem de tudo (risos). Hoje eu vou pegar os dados da sua conta e vou mandar fazer os extratos”.

Quando questionada pelo jornalista se a fraude não renderia algum tipo de problema, ela responde. “Eu sempre fiz isso. Não é a primeira nem a última vez que eu vou fazer. É o jeitinho brasileiro. Se a gente dá esses jeitinhos, imagina os caras lá de cima os jeitinhos que [eles] não dão (risos)”.

 

Minha Casa, Minha Vida

 

O programa Minha Casa, Minha Vida foi criado pelo governo federal para permitir que famílias com baixa renda, por meio de incentivos fiscais, conseguissem comprar a casa própria.

Por isso, o cadastro do participante só é aprovado pela Caixa Econômica Federal após uma análise da renda do interessado. Para conseguir a aprovação, é necessário ter renda familiar bruta de, no máximo, R$ 5 mil. Desde 2011 já foram entregues mais de 1,2 milhões de moradias.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo